O que é Ações Preferenciais

O que são Ações Preferenciais?

As ações preferenciais são um tipo de investimento em que os acionistas possuem certos benefícios e preferências em relação aos acionistas comuns. Essas ações são emitidas por empresas e representam uma parcela do capital social da companhia. Ao adquirir ações preferenciais, os investidores têm direito a receber dividendos prioritários, preferência no recebimento de valores em caso de liquidação da empresa e, em alguns casos, direito a voto limitado.

Benefícios das Ações Preferenciais

Uma das principais vantagens das ações preferenciais é o recebimento de dividendos prioritários. Isso significa que, quando a empresa distribui lucros aos acionistas, os detentores de ações preferenciais têm preferência no recebimento desses dividendos em relação aos acionistas comuns. Essa preferência pode ser em forma de um valor fixo por ação preferencial ou em uma porcentagem do lucro distribuído.

Além disso, em caso de liquidação da empresa, os acionistas preferenciais também possuem preferência no recebimento de valores. Isso significa que, se a empresa for liquidada e seus ativos forem vendidos, os detentores de ações preferenciais terão prioridade no recebimento do valor correspondente às suas ações antes dos acionistas comuns.

Outro benefício das ações preferenciais é a possibilidade de ter direito a voto limitado. Em algumas situações, os acionistas preferenciais podem ter o direito de participar das decisões da empresa por meio do voto em assembleias de acionistas. No entanto, esse direito de voto pode ser limitado em comparação aos acionistas comuns, o que significa que os detentores de ações preferenciais podem ter menos influência nas decisões estratégicas da empresa.

Tipos de Ações Preferenciais

Existem diferentes tipos de ações preferenciais, cada uma com características específicas. Alguns dos principais tipos são:

Ações Preferenciais Cumulativas

As ações preferenciais cumulativas são aquelas em que os dividendos não pagos acumulam-se ao longo do tempo. Isso significa que, se a empresa não distribuir dividendos em um determinado período, esses dividendos acumulam-se e devem ser pagos aos acionistas preferenciais em algum momento futuro, antes de qualquer pagamento de dividendos aos acionistas comuns.

Ações Preferenciais Não Cumulativas

As ações preferenciais não cumulativas são aquelas em que os dividendos não pagos em um determinado período não acumulam-se. Isso significa que, se a empresa não distribuir dividendos em um determinado período, os acionistas preferenciais não têm direito a receber esses dividendos em algum momento futuro. Os dividendos não pagos são perdidos.

Ações Preferenciais Conversíveis

As ações preferenciais conversíveis são aquelas que podem ser convertidas em ações ordinárias em algum momento no futuro. Essa conversão geralmente ocorre de acordo com uma relação de conversão pré-determinada, que estabelece quantas ações ordinárias serão recebidas em troca de cada ação preferencial. Essa opção de conversão permite aos investidores aproveitarem o potencial de valorização das ações ordinárias.

Ações Preferenciais Resgatáveis

As ações preferenciais resgatáveis são aquelas que podem ser resgatadas pela empresa em algum momento no futuro. O resgate pode ocorrer de acordo com uma data pré-determinada ou a critério da empresa. Quando as ações preferenciais são resgatadas, os acionistas preferenciais recebem o valor nominal das ações de volta, além de eventuais prêmios de resgate.

Considerações Finais

As ações preferenciais são uma opção de investimento que oferece benefícios e preferências aos acionistas em relação às ações comuns. Os investidores que buscam receber dividendos prioritários, preferência no recebimento de valores em caso de liquidação da empresa e, em alguns casos, direito a voto limitado podem optar por investir em ações preferenciais. No entanto, é importante entender os diferentes tipos de ações preferenciais e suas características antes de realizar esse tipo de investimento.